10 de julho de 2017

Mineiros saem na frente no mata-mata da Série D

 
Foto: Toninho Cury/AG Esporte

A hora da decisão chegou para os times mineiros na Série D do Campeonato Brasileiro e os dois foram bem na primeira prova de fogo. Tanto URT quanto Villa Nova venceram os jogos de ida jogando em casa e abriram vantagem rumo a classificação para as oitavas de final da competição. No sábado, o Trovão venceu a Portuguesa-RJ pelo placar de 1-0 no estádio Zama Maciel e neste domingo foi a vez do Leão do Bonfim fazer o dever de casa e bater o União de Rondonópolis-MT pelo placar de 2-0. Os jogos da volta acontecerão no próximo domingo (16) e definirão os classificados para a próxima fase do torneio.

Vantagem mínima

Contando com o apoio maciço de seu torcedor que lotou as arquibancadas do Zama Maciel na tarde de sábado, a URT teve um duro adversário pela frente e tentou de todas as formas furar o bloqueio da equipe carioca que estava invicta na competição. “Companheiros” de grupo na primeira fase, as duas equipes já se conheciam e fizeram um jogo bastante amarrado no primeiro tempo, com muita marcação e poucas chances claras de gol.

O time de Patos só marcou aos 14 minutos da segunda etapa quando o zagueiro Murilo da Portuguesa tocou com a mão na bola dentro da área e o árbitro da partida assinalou pênalti. Fábio Alves bateu e marcou o gol único do jogo. No próximo domingo a partida será no estádio Luso Brasileiro Às 15h e a URT pode empatar para seguir na competição. Já a Portuguesa precisa vencer por 2 gols de diferença. Repetindo o placar de 1 x 0 a decisão será nos pênaltis.

URT: Juninho, Rafael Ferro, Diego Borges, Victor Salinas e Fábio Alves; Leandro, Ramos (Jean) e Rafael Oller; Douglas Skillo (Marques), Marcos Vinícius e Thiago Brito (Márcio Diogo). Treinador: Rodrigo Santana.

Portuguesa: Arthur, Cássio (Wescley), Marcão, Murilo e Diego Maia; Resende, Paulo Henrique, Caio Cesar e Maicon Assis (Thiago Amaral); Maranhão e Romarinho (Fabinho). Treinador: Edson Souza.

Vitória que dá tranqüilidade

Foto: Wagner Augusto/Villa Nova

Jogando no Alçapão do Bonfim, o Villa Nova bateu o União-MT por 2 x 0 e leva uma vantagem mais folgada para a segunda partida no Mato Grosso. O time de Nova Lima pode perder por até 1 gol de diferença – ou até mesmo dois, caso marque um – para garantir a vaga na próxima fase. Os gols do Villa foram marcados por Jhonathan aos 39 mninutos do primeiro tempo e por Douglas em cobrança de pênalti logo aos 5 minutos da primeira etapa.

O jogo que definirá o classificado às oitavas de final acontece no próximo domingo às 19h no estádio Luthero Lopes na cidade de Rondonópolis.

VILLA NOVA: Renan; Nequinha, Otávio, Rafael e Marcelo Tchê; Elias (Luís Mário), Paulo Vitor, Jhonatan e Bruno Moreno; Gilberto Carrara (Felipinho) e Douglas (Gustavo). Técnico: Ito Roque


UNIÃO-MT: Ronaldo; William,Talysson, Paganelli e Lucas Mendonça; Nildo, Edson (Paraguai), Samuel e Vinícius (Calado); Café e Geílson. Técnico: Kiko Araújo